Introdução

Não é nenhum segredo que para perder gordura corporal com eficácia, você deve criar um déficit. Isso pode ser feito de várias maneiras, mas, mais comumente, reduziremos nossa ingestão de alimentos para diminuir nosso total.

No entanto, restringir muito as calorias pode levar a uma variedade de problemas de saúde.

Leva tempo para perder gordura corporal com segurança e, infelizmente, muitos sempre vão optar por uma opção mais rápida com consequências ruins.

Este artigo descreve efeitos potencialmente prejudiciais da restrição calórica severa.

Agora que você está tentando perder peso, às vezes o problema pode ser que você não estar comendo o suficiente e os primeiros sinais de que você não está comendo suficiente estão relacionados aos seguintes fatores:

1. Redução Do Metabolismo

Uma das maneiras pelas quais as dietas com restrição calórica desaceleram seu metabolismo é causando perda muscular.

Restringir severamente suas calorias pode diminuir seu metabolismo e causar perda de massa muscular. Isso torna mais difícil manter a perda de peso a longo prazo. (*

2. Baixo Nível De Energia 

Você se sente cansado, uma vez que não está absorvendo nutrientes suficientes para suportar as funções básicas que o mantêm vivo. (*)

Seu objetivo é encontrar um ponto de equilíbrio onde você se sinta energizado, mas reduziu calorias o suficiente para perder peso.

3. Perda De Cabelo

Se você perceber uma quantidade aumentada de cabelos acumulando em sua escova de cabelo ou ralo do chuveiro, pode ser um sinal de que você não está comendo corretamente.

Além disso, muitos nutrientes são necessários para manter o crescimento normal e saudável do cabelo. A ingestão inadequada de calorias, proteínas, biotina, ferro e outras vitaminas e minerais é uma causa comum de perda de cabelo. (*) 

Basicamente, quando você não absorve calorias e nutrientes essenciais, seu corpo dará prioridade à saúde do seu coração, bem como ao cérebro e outros órgãos sobre o crescimento do cabelo.

4. Fome Constante

Estar com fome o tempo todo é um dos sinais mais óbvios de que você não está comendo comida suficiente.

Já vi isso muitas vezes: quanto mais tempo alguém tem que lutar contra o desejo de seu corpo por mais comida, mais provável é que ele se perca com a compulsão alimentar e, por fim, abandone totalmente a missão.

Estudos confirmam que o apetite e os desejos alimentares aumentam em resposta à má forma de alimentação, devido a mudanças nos níveis de hormônios que controlam a fome assim como a saciedade. (*) 

Ter uma dieta com deficiência de calorias e nutrientes pode ser extremamente prejudicial. O organismo, ao identificar essa deficiência, acaba aumentando os hormônios que estimulam a sensação de fome. (*)

5. Problemas de Sono

Isso ocorre porque a restrição calórica de nível de fome leva a interrupções do sono e uma redução no sono de ondas lentas, também conhecido como sono profundo. (*) 

Não esqueça que mesmo uma pequena quantidade de restrição de sono pode afetar negativamente o seu desempenho, o que reduz sua capacidade de manter ou aumentar a força, o que é fundamental para manter os músculos enquanto você perde gordura. (*) (*)

6. Irritabilidade

Quando pequenas coisas que não te faziam mal começarem a tirar sua paciência é melhor ficar de olho na alimentação. É bem capaz que você não esteja se alimentando corretamente.

A relação entre irritabilidade e baixa ingestão calórica já foi abordada pela comunidade científica inúmeras vezes no decorrer do tempo.

Se pequenas coisas começaram a te irritar, isso pode estar relacionado a não comer os nutrientes suficientes.

7. Ansiedade

A ansiedade, assim como a irritabilidade, também são sinais de que você não está comendo o suficiente. Isso porque, ao ingerir menos alimentos, você acaba desencadeando uma deficiência de nutrientes e calorias. Essa deficiência irá interferir na produção de substâncias do seu cérebro.

Dessa maneira, você se sentirá mais ansioso, pois o organismo, ao identificar o baixo nível de componentes importantes irá redirecionar esses agentes para outros órgãos e funções essenciais. Fazendo, assim, com que a pessoa se sinta mais ansiosa e irritada.

8. Frio Em Excesso

Se você constantemente sentir frio, não comer comida suficiente pode ser a causa. Afinal, seu corpo precisa queimar um certo número de calorias para criar calor, e manter uma temperatura corporal saudável e confortável. (*) 

9. Constipação

A constipação é tipicamente descrita como tendo três ou menos movimentos intestinais por semana, ou com fezes pequenas e duras que são difíceis de evacuar.

Os movimentos intestinais infrequentes, também podem estar relacionados à falta de nutrientes inadequados.

Se você está tendo problemas com a regularidade, é importante dar uma olhada na quantidade de comida que você está comendo e avaliar se está recebendo o suficiente. (*)

10. Sua Pele Está Seca

Em um déficit calórico severo, a pele pode ficar extremamente seca, sem brilho.

Isso tem a ver com a baixa ingestão de gorduras: os óleos gordurosos da sua dieta não apenas tornam as vitaminas A, D e E mais biodisponíveis, mas a gordura em si pode melhorar a saúde da sua pele.

Pele seca e com coceira, manchas vermelhas, pele fria nas extremidades, cicatrização lenta de feridas ou lábios severamente rachados podem ser sintomas de que você não está comendo o suficiente, embora outros fatores também possam causar esses sintomas.

Fique atento para a condição de sua pele. Na ausência de uma dieta suficiente, sua pele tem dificuldade de se nutrir devido à indisponibilidade de nutrientes vitais 

11. Você Está Perdendo Músculos

Qualquer dieta esconde o risco de perda muscular. Quanto mais longa e agressiva for a dieta, maior será o risco de ocorrer. 

A última coisa que alguém quer fazer ao tentar perder gordura é também perder músculos. No entanto, comer muito poucas calorias ao perder peso resultará exatamente nisso.

Ao fornecer ao corpo poucas calorias, você o força a tentar encontrar a energia de que necessita, tanto da gordura armazenada quanto da massa muscular. (*)

À medida que você perde músculos, seu corpo fica com má aparência, seu metabolismo fica mais lento, sua saúde óssea diminui e  seu risco de doenças aumenta.

Se você deseja manter seus músculos ao perder gordura, você precisa usar um déficit calórico pequeno a moderado. Além disso, você também precisa levantar pesos regularmente para dar ao seu corpo uma razão para preservar seus músculos. 

12. Sem Desejo Sexual

A testosterona, um dos grandes motivos de você ter libido, é um desses hormônios que fica reduzido quando você tem um déficit calórico. Quanto maior for o déficit, maior será o efeito.

Para adicionar lenha ao fogo, uma ingestão reduzida ou limitada de gordura também pode piorar o problema, já que a gordura na dieta ajuda na produção dos hormônios sexuais testosterona e estrogênio. (*)

Outros Sinais De Que Você Não Está Comendo Suficiente:

  • Fadiga;
  • Baixa Imunidade;
  • Problema na construção de massa muscular;
  • Falta de concentração e dificuldade em aprender;
  • Ausência de menstruação;

Recado final:

As dietas de baixa caloria podem ser consideradas para mulheres entre 1.000 a 1.200 calorias e homens entre 1.200 a 1.600 calorias.

Identificar se você está comendo o suficiente é importante justamente para avaliar se o seu organismo está recebendo a quantidade certa de calorias e nutrientes. E mais: isso é essencial para que você evite problemas graves.

As necessidades calóricas variam de pessoa para pessoa porque dependem de fatores como idade, sexo, altura, peso atual e nível de atividade física. 

Quando se trata de perda de peso a longo prazo, paciência é a chave. É melhor evitar dietas que exijam que você restrinja severamente suas calorias.

Em vez disso, opte por dietas que se concentram na qualidade da dieta e o incentivam a fazer mudanças sustentáveis no estilo de vida.